-

domingo, 21 de agosto de 2016

O que você encontra quando vai a uma biblioteca pública?

Não me convém citar onde e nem qual biblioteca eu visitei nessa tarde, mas convém dizer que ela se encontra em um ótimo lugar ( digo isto, pois se localiza fisicamente em lugar de fácil acesso) e além do mais é pública, todos temos pleno acesso.

Como costumo fazer toda vez que vou a uma biblioteca, fui passeando pelo corredores para descobrir sobre qual assunto aquele corredor se tratava, afinal não havia muita sinalização, me restava olhar todos os corredores.

Passei pelos corredores de arte, direito cheguei a um corredor que possui somente livros de Karl Marx. Confesso, em minha ignorância, que não sabia que Marx possui tantos livros, tanta literatura. Ok.

Cheguei ao corredor que se tratava de Economia, e parecia que não havia saído do corredor de Marx ainda. Ao menos um corredor na visão Marxista. Ok.

O próximo corredor era história de história, no começo havia uma quantidade significativa de prateleiras relatando o ano de 1964 e como o "golpe militar" destruiu a democracia Brasileira. Mas a frente ainda no corredor de história, podemos localizar livros como Porque eu resisti de Carlos Marighella, e outros relatos de pessoas perseguidas pelo odioso golpe militar de 64. Ok.

Resolvi ir a estante dos novos livros, (os livros recém chagados a biblioteca, ficam expostos em uma prateleira a parte) havia uma série de livros como Discutindo o mais-valia com Marx e Engels, racismo a brasileira, a evolução democrática do Brasil com um simbolo do PT na frente, uma série de livros deste tipo. Ok.

O que encontramos em uma biblioteca pública?

Bom é difícil de dizer que não há um certo tipo de parcialidade por lá, porque não existe exemplares sobre vários pontos de vista de um mesmo assunto? Ainda da mais em assuntos "polêmicos", assuntos de interesse social, para que as pessoas pudessem escolher qual a melhor forma de estudar?

Eu diria que é pelo menos muito curioso.

Voltarei lá, e estudarei toda a literatura daquela biblioteca e voltarei aqui para escrever um texto com uma opinião formada sobre isso.



quarta-feira, 17 de agosto de 2016

FANDOM 5 coisas para se fazer quando se estar estressado!

Estamos suscetíveis ao estresse a qualquer momento da vida e até mesmo em qualquer momento do dia. É sempre bom termos conosco alguns artifícios que nos ajudem a voltar ao nosso centro de realidade. Vamos lá?


1º Escute Choppin! Não há nada mais desestressante que uma boa Opera!




2º Tenha Jaculatórias e frases para serem ditas! Repitas um frase ou jaculatória, quando estiver no ápice de um estresse, quando estiver com maus pensamentos ou a ponto de fazer algo, do qual vai se arrepender depois.




3º Pause 5 minutos! Mantenha-se com os olhos fechados e respire fundo, durante esses 5 minutos.


4º Medite! Os passos 1, 2 e 3 podem te ajudar aqui. Abstraia a sua mente e lembre-se quias são os seus verdadeiros objetivos. Seja no trabalho, em aula ou até mesmo naquele ônibus lotado, pare e volte para o seu centro de realidade.




5º Evite! Tente fugir, tente não se submeter a situações de estresse.



O que é uma Jaculatória ?

Oração curta e fervorosa.

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Eu também tenho sentimentos.


É eu também tenho sentimentos sabia? Eu também sinto coisas aqui em meu coração, dores e flores. As vezes o que eu queria ouvir é: 'toma aqui essa bala, eu vi no mercado e lembrei de você [...]' basta um lembrei de você e meu dia já se tornaria brisa leve.

É engraçado as pessoas falam tanto de si e esquecem que existe o próximo. 

Falam, falam você está sempre ali a postos, ouvindo, aconselhando, um ombro amigo... Muitas das vezes você não fica falando, falando, pedindo ajuda, pedindo conselhos, muito menos um afago de alguém. Mas o fato de você não demostrar, significa que você não sente?

Será que só pelo fato de você não demonstrar ou até mesmo consumir o tempo das pessoas, significa que você precise de conversar? De ouvir um 'oi, ta tudo bem? seus olhos estão tão tristes?' [...] 

Que raios faz alguém há não pensar que o outro tem sentimentos? Não se é duro de coração gratuitamente. Sempre há um motivo, ou até mesmo vários. Duro é ver que as pessoas que convivem com você, são próximas, não sabem ou não querem saber se você tem motivos para ser feliz ou não.


[...]

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...